Professor da Rede Estadual utiliza músicas como instrumento de combate à Violência Doméstica

O Professor da Rede Estadual de São Paulo, Juscelino Olyveira utiliza uma técnica muito interessante em sala de aula. Ele cria músicas para ensinar seus alunos a dialogarem sobre temas importantes como o combate à violência doméstica

Ao compor a música “Melô do Covarde”, o professor cantor faz um grande apelo social acerca do tema e busca ensinar aos alunos que “ fomos feitos do amor, para o amor e para amar.”

A mensagem de sua música é altamente conscientizadora, alertando que homem não deve bater em mulher, pois homem que bate em mulher é covarde e, mulher que bate em mané também é covarde. Portanto, deixa claro que a violência doméstica precisa acabar para que haja paz nas famílias.

De acordo com o art. 5º da Lei Maria da Penha, violência doméstica e familiar contra a mulher é “qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral ou patrimonial”.

Dados do Instituto Datafolha relatam que 27,4% das mulheres reportaram ter sofrido algum tipo de violência ou agressão em 2019 e 28,6% em 2017, sendo a ofensa verbal (como insultos e xingamentos) a maioria, com 21,8%.

Para Juscelino: “É lamentável o alto índice de violência doméstica no nosso país” e busca colaborar na conscientização de seus alunos através de sua música em defesa da paz social.

Confira a letra:

Nós fomos feitos do amor/Nós fomos feitos pro amor
Nós fomos feitos para dar amor/Por isso homem não bata em mulher
Por que homem que bate em Mulher /O quê que ele é?
Covarde, covarde, covarde / E mulher que bate em mané?
Também é covarde, também é covarde!
Violência é falta de paciência / é desumano e falta de inteligência
Como é seu mané, você bate em mulher?
O quê, vou repetir: por isso homem não bata em mulher
Por que homem que bate em mulher / o que, que ele é?
Covarde, covarde, covarde, ele é covarde!
Entendeu? Então pare! E ame sua mulher
Deixa de ser covarde, covarde, covarde, covarde, covarde!

Matéria originalmente publicada pelo Jornal Acontece Agora. Clique aqui e visualize o seu conteúdo completo.

Matéria originalmente publicada pelo Jornal SP Norte. Clique aqui e visualize o seu conteúdo completo.

Os comentários estão encerrados.

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: