Prática Ilegal: C6 Bank libera crédito consignado sem aval, diz aposentada

A aposentada Nancy da Micheletto Joel recebeu no último dia 12, uma ligação do C6 Bank, lhe oferecendo os serviços de crédito consignado, mas negou a contratação dos mesmos, porém não adiantou e a Instituição Financeira realizou dois depósitos de forma indevida na conta da aposentada, mesmo sem nenhum contato assinado.

Após tomar conhecimento desses depósitos, Nancy entrou em contato com o banco para a realização do cancelamento do empréstimo e foi informada por uma atendente do banco digital, que seriam enviados dois boletos nos valores correspondentes para que haja a devolução. “Nunca solicitei e nunca aprovei tal solicitação. Eles tinham que realizar o cancelamento imediato. Isso é um absurdo.”, conta indignada.

O crédito consignado é uma modalidade que desconta as parcelas do empréstimo direto na folha de pagamento, ou seja, no salário ou na aposentadoria.

O C6 Bank responde por 10% do mercado de consignado no Brasil e o número de reclamações contra a fintech sobre empréstimos indevidos saltou 1.900% entre agosto e novembro de 2020.

Recentemente, o Procon de São Paulo multou o C6 Bank em R$ 7 milhões, por práticas abusivas relacionadas à operação de crédito consignado, além de dificultar ou impedir o cancelamento de contratos – e a devida devolução dos valores – feitos pela internet ou telefone dentro do prazo de arrependimento legal, de sete dias, porém a instituição financeira segue realizando práticas ilegais e lesando aposentados.

Matéria originalmente publicada pelo Jornal Acontece Agora. Clique aqui e visualize o seu conteúdo completo.

Matéria originalmente publicada pelo Jornal SP Norte. Clique aqui e visualize o seu conteúdo completo.

Os comentários estão encerrados.

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: